https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Correios chama proposta dos funcionários de ‘imprudente’ e aguarda decisão da justiça para retomar as atividades

Os Correios, em nota divulgada nesta quarta-feira (16), classificou a proposta de seus funcionários que estão em greve de “imprudente” e “inconsequente”. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) enfrentará uma audiência do julgamento da manutenção, ou não, do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), prevista para acontecer às 13h30, na próxima segunda-feira (21), no Tribunal Superior do Trabalho (TST). Tudo será transmitido ao vivo pelo YouTube do TST.
No texto divulgado pelos Correios, a empresa alega ainda que não há margem para as medidas, classificadas como “incompatíveis com a situação econômica atual” do País e do mundo. A greve completa um mês nesta quinta-feira (17). Neste período, duas audiências de conciliação foram marcadas pelo TST para tentar chegar a um denominador comum, sem sucesso. A ETC disse que aguarda a decisão da justiça para retornar ao trabalho.