https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Investigação sobre suposto crime de Lula prescreve em dezembro

A investigação sobre o suposto pagamento de propina a Lula pela Odebrecht prescreve em dezembro de 2020. Como todos os investigados têm mais de 70 anos, o prazo prescricional reduz de 8 para 4 anos. A denúncia foi recebida em 2016. A informação é do site O Antagonista.
O ministro do Supremo Ricardo Lewandowski determinou, nesta quarta-feira (2), que a 13ª vara Federal Criminal da Subseção Judiciária de Curitiba/PR libere para a defesa do líder petista, em até 48 horas, acesso aos dados do acordo de leniência da Odebrecht.
Na mesma decisão, ele suspendeu o prazo das alegações finais na ação penal que apura o pagamento de propina da empreiteira na forma de um terreno para o Instituto Lula. O caso ficará parado até que “ocorra o julgamento do mérito”. Será o próprio STF que dará ritmo aos trabalhos.
São investigados pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro o próprio Lula, Roberto Teixeira e Glauco da Costamarques.