Nova York detecta 1° paciente infectado com variante brasileira da Covid-19

Um idoso de 90 anos é a primeira pessoa em Nova York, nos EUA, contaminada com a cepa brasileira da Covid-19. A descoberta foi anunciada pelo governador do estado no último sábado (20).
O paciente mora no Brooklyn e não tem um histórico de viagens recentes. O Departamento de Saúde de NY ainda investiga os possíveis contatos. As informações são da CNN.
"A detecção da variante brasileira aqui em Nova York ressalta ainda mais a importância de tomar todas as medidas adequadas para continuar a proteger sua saúde", disse o governador em nota.
A variante P.1, classificada como "preocupante", foi detectada nos Estados Unidos pela primeira vez no fim de janeiro. Ao todo, já existem 48 casos da nova cepa registrados.