Polícia localiza carro carbonizado que pode ter sido usado no assassinato do promotor

Um carro carbonizado foi localizado, na manhã desta segunda-feira no município de Águas Belas. A polícia suspeita que o veículo, um Corsa Hatch, tenha sido utilizado na abordagem ao promotor Thiago Faria Soares, assassinado a tiros na segunda-feira da semana passada. O veículo foi localizado no Bairro Pé de Serra, na Rua de Seu Geraldo, periferia de Águas Belas. Dois delegados de polícia, Rômulo César e Salustiano Albuquerque estão no local para coordenar as investigações. O promotor, de 36 anos, foi abordado na rodovia estadual PE-300, no caminho entre a fazenda onde morava e o Fórum de Itaíba, onde trabalhava. Ele dirigia o próprio carro, um Hyundai , e estava acompanhado pela noiva, a advogada Mysheva Freire Ferrão Martins, e pelo tio dela, Adautivo Elias Martins. De acordo com testemunhas, o carro da vítima foi trancado por um Corsa de cor preta. Primeiro, o promotor teria recebido o primeiro tiro, no pescoço, provavelmente disparado por uma espingarda calibre 12. Quando o Hyundai parou definitivamente, os suspeitos efetuaram os outros três disparos, matando o promotor na hora. Ao terminar a execução, os suspeitos fugiram no mesmo veículo. O carro foi filmado pelas câmeras de segurança de um motel localizado nas proximidades do crime, já sem placas. Com informações
blogdocasusa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO GOVERNO DE IGUARACY