Deu na ‘Economist': No carnaval, Brasil faz festa à beira do abismo

Depois de o “Financial Times'' prever o “cancelamento'' do carnaval por conta da crise econômica e política no Brasil, e de a “Forbes'' apontar que a tradicional festa seria uma pausa nos problemas do país, nesta semana foi a revista “The Economist'' que usou o carnaval para fazer um balanço da situação complicada do Brasil em 2016. Segundo uma reportagem na edição mais recente da publicação, brasileiros vão festejar à beira do abismo.
“O feriado não vai dar folga para as preocupações econômicas e políticas'', diz a revista.
A “Economist'' explica que o Brasil tradicionalmente vê poucas coisas acontecerem no início do ano, já que políticos e empresas costumam esperar o carnaval para tomar grandes decisões.
“Enquanto isso, os problemas políticos e econômicos do Brasil estão se aprofundando. Quando os políticos voltarem a trabalhar, eles podem se arrepender de terem tirado folga de tentar resolvê-los'', diz.
O problema, em sua avaliação, é que o fim dos festejos vai significar voltar a enfrentar uma grave recessão, aumento do desemprego e disputas políticas que fazem ser difícil acreditar na capacidade do país de sair da crise.
Tags : The EconomistCarnavalCrise

Share/Bookmark

0 comentários: