Em uma semana, PE tem quase 700 novas confirmações de arboviroses

Em sete dias, Pernambuco teve 651 novos casos confirmados de dengue, zika e chikungunya. Segundo boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) na última quinta-feira (8), o estado tinha, até o dia 3 de setembro, 48.768 confirmações para as três arboviroses. Porém, nesta terça (13), o número subiu para 49.419. Os dados foram obtidos entre os dias 3 de janeiro e 10 deste mês.
Após sofrer uma queda, a quantidade de casos confirmados de dengue voltou a aumentar, embora ainda esteja em saldo positivo. Esta semana, foram 370 novas confirmações. No último boletim, a SES informou que houve uma retirada de 486, tendo, portanto, 116 menos casos em relação a duas semanas atrás.
Quanto à chikungunya, o número de confirmações subiu de 21.905 para 22.182, um aumento de 277 novos casos. Já em relação ao vírus da zika, o estado registrou quatro novos casos confirmados: de 148 para 152. Ao todo, foram notificados 53.601 casos de chikungunya, 102.209 de dengue e 10.918 de zika.
O número de mortes se manteve. Foram 88 até o boletim anterior, mesma quantidade divulgada nesta terça (13). Desse total, 18 tiverem resultados positivos para dengue, 53 para chikungunya e 17 para as duas doenças simultaneamente. Ao todo, 313 óbitos foram notificados.

Microcefalia
Ainda de acordo com a SES, Pernambuco tem 379 casos confirmados de microcefalia, um a mais do que na semana passada. Estão sendo investigados mais 278 casos e outros 1.387, descartados. No total, até agora foram notificados 90 óbitos de bebês com a malformação. Desses, 45 morreram antes do parto e 44 m faleceram pouco depois do nascimento. (G1)

Share/Bookmark

0 comentários: