Assassinada esposa de Marcílio Pires em Tabira

Foi assassinada esta manhã em Tabira, a esposa do vereador eleito Marcílio Pires. Érica de Souza Leite, 30 anos, conhecida por Paulinha, foi morta a facadas por um homem ainda não identificado. Ele teria sido atingida por uma facada no pescoço e não resistiu.
Paula, quando completou 30 anos em abril: morte choca Tabira
Ainda não há muita riqueza de detalhes sobre o episódio, mas as primeiras informações começam a chegar. Há grande movimentação de viaturas na cidade. Segundo Anchieta Santos ao programa manhã Total, entre 9 e meia e dez da manhã, ela chegou em casa da Academia.
Um homem não identificado tocou a campainha. Quando ela abriu a porta, foi atingida com uma facada no pescoço. Paulinha já deu entrada no Hospital de Tabira sem vida. Segundo a professora Maria José, Zeza, Diretora do Hospital, com base nos relatos do médico Jamerson, os indícios são de que ela tentou se defender, pois também havia lesão dos braços.
Paula e Marcílio, em foto de arquivo
O criminoso teria saído do local caminhando. Os indícios seriam de crime de encomenda ou premeditado, segundo o Capitão André Magalhães, do 23º BPM. Dr Marcílio chegou no final da manhã a Tabira. Ele soube em Afogados, onde estava prestando atendimento. Eles tinham uma filha. Érica ainda era mãe de uma outra garota, de um primeiro relacionamento.
Em abril de 2015, o odontólogo, que é Major reformado da PM e já foi diretor do HR Emília Câmara, havia se queixado de ter sua vida violada em uma rede social. A polícia já iniciou as investigações em torno do caso. A cidade está em choque.

Share/Bookmark

0 comentários: