Dodge decide prorrogar Lava Jato por mais um ano

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, decidiu, nesta segunda-feira (12), prorrogar por mais um ano a atuação da força-tarefa da Lava Jato no Paraná. É a quinta vez que o grupo é prorrogado, desde sua criação em 2014. As informações são do portal G1.
De acordo a matéria, a portaria que oficializa a medida será publicada nesta terça-feira (13) e deve ser submetida ao Conselho Superior do Ministério Público Federal (CSMPF).
A equipe, coordenada pelo procurador Deltan Dallagnol, tem 69 integrantes entre procuradores, servidores, contratados e estagiários.
Segundo dados da Secretaria-Geral do MPU, o grupo custa R$ 112,2 mil por mês. Por ano, considerando todos os encargos, o gasto chega a R$ 1,4 milhão.