https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Governo brasileiro vai ofertar vacina gratuita e não obrigatória, diz Bolsonaro


O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), afirmou, por meio das redes sociais nesta segunda-feira (7), que a vacina contra o novo coronavírus será ofertada pelo governo brasileiro gratuitamente e não será compulsória.
"Em havendo certificação da Anvisa (orientações científicas e os preceitos legais) o governo brasileiro ofertará a vacina a toda a população de forma gratuita e não obrigatória“, escreveu o presidente, em texto acompanhado por uma foto em que ele se reúne com Paulo Guedes e o advogado-geral da União, José Levi.
“Segundo o Ministério da Economia, não faltarão recursos para que todos sejam atendidos. Saúde e Economia de mãos dadas pela vida“, completou Bolsonaro.
Coronavac
A fala de Bolsonaro aparece após anúncio do governo de São Paulo - comandado por João Doria, seu adversário político - sobre dar início à vacinação contra a covid-19 em 25 de janeiro de 2021.
O plano de vacinação paulista prevê que, na primeira fase, serão imunizados profissionais de saúde, pessoas com mais de 60 anos, indígenas e quilombolas. Isso implicará na vacinação de 9 milhões de pessoas.
Horas após o anúncio do governo de São Paulo, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou uma nota na qual indica que ainda faltam vários passos para que a obtenção do registro para o imunizante Coronavac, desenvolvido pela chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.