Número de pistolas mais do que dobra na gestão Bolsonaro

O número de armas liberadas no Brasil aumentou 170% no Brasil durante o governo de Jair Bolsonaro (PL), revela um levantamento feito pelo jornal Folha de S. Paulo.
De acordo com a apuração, dados da Polícia Federal – responsável pela liberação – apontam 40 mil registros de pistolas em 2018, antes da eleição vencida por Bolsonaro. Em 2021, terceiro ano do atual governo, esse número salta para 108 mil novos registros, mais do que o dobro em comparação com o dado anterior.
Ao longo de sua gestão, Bolsonaro tem atuado para flexibilizar normas para obtenção da autorização para armas, além de facilitar o acesso da população em obter calibres mais poderosos.
Segundo a Folha, o governo editou 19 decretos, 17 portarias, duas resoluções, três instruções normativas e dois projetos de lei nesse sentido.
A publicação também mostra que os pedidos para registro de armas foi maior em Estados que votaram mais em Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018, disputada com Fernando Haddad (PT).