Paulo Câmara sanciona lei com novas regras de aposentadoria de PMs e bombeiros


O governador Paulo Câmara (PSB) sancionou a lei complementar que alterou as regras do Sistema de Proteção Social dos Militares do Estado de Pernambuco, ou seja, as regras de passagem para reserva remunerada de policiais militares e bombeiros militares, oficiais e praças.
A matéria causou alguns embates entre a bancada militar e de oposição na Assembleia, mas o Governo do Estado soube valer a sua maioria, prevalecendo as posições iniciais do Palácio do Campos das Princesas.
A extensa nova lei tem várias páginas com novas regras para a reserva remunerada dos militares do Estado, inclusive aumentando o tempo de serviço necessário.
Em regra, serão exigidos 35 anos de serviço militar, para o policial ou bombeiro ter aposentadoria integral.

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232